quinta-feira, 30 de abril de 2009

WINE LIBRARY TV - VINHOS COM 95 PONTOS

video

Neste episódio, Garry experimenta 4 belíssimos vinhos que levaram 95 pontos de Robert Parker. São eles: O Californiano Dominus 2003, o Villacreces Ribera del Duero 2003 (Espanha), o Whistling Eagle Eagles BloodShiraz 2005 (Australia) e o Rolf Binder Hanisch Shiaz 2004, também da Australia. São diferentes faixas de preço que vairam entre o espanhol (U$ 31,00) e o californiano (US$ 95,00) .

Espero que gostem!

CHEERS!!

terça-feira, 28 de abril de 2009

SAFRA 2007 NO PORTO

Em 2007, o verão fresco e o outono ensolarado produziu a primeira safra declarada do Douro desde 2003. Os vinhos do porto 2007 serão engarrafados em alguns meses e logo mais devem ser enviados ao comércio.

“Estes são grandes vinhos e é sempre difícil compará-los aos anos precedentes, pois nós acreditamos que cada ano tem sua própria caraterística” disse Adrian Bridge, chefe das casas Taylor Fladgate, Fonseca e Croft. “Para nós, os vinhos têm os narizes do 1992 e estão provavelmente no estilo dos 1966. ”

Paul Symington, do Grupo Port Symington, que possui nomes como W&J Graham, Dow e Warre, acerscenta,: “O 2007 tem um pouco da fruta dos 1994 , mas há uma acidez mais fina e menos doce do que os 1994. Eu gosto particularmente de seus taninos. Provarei mais de quatro dúzias de amostras destes portos 2007 em teses cegos esta semana em Porto, Portugal."


CHEERS!!
Fonte: Wine Spectator

RESVERATROL NA VEIA

Com as notícias de que o resveratrol pode combater uma série de problemas de saúde, era apenas uma questão de tempo até que alguém resolvesse produzir um vinho com resveratrol intensificado.


Vários projetos estão em andamento em algumas vinícolas para aumentar a dosagem de resveratrol em vinhos, apesar das dúvidas dos céticos.Um médico australiano de Sydney, Philip Norrie, que também é vinicultor no vale de MacLaren, lançou recentemente dois vinhos, um Chardonnay e um Shiraz, com resveratrol enriquecido. Ele extrai o resveratrol do resíduo da vinificação de uvas tintas, em forma de pó, e que é adicionado ao vinho antes de engarrafar. Ele garante que não há alteração na cor, limpidez, nariz e boca. Com o processo, o resveratrol passa de 4 a 8 para 100 miligramas por litro.


Na tentativa de exportar para a Europa e Estados Unidos ainda terá que passar pelo crivo da CE e autoridades americanas. Do outro lado do mundo, várias bodegas de Rioja também estão desenvolvendo vinhos com dosagem de resveratrol e quercetin (outro antioxidante de vinho tinto) aumentada 10 vezes. Os clientes do Dr. Norrie estão comprando e gostando...




CHEERS!!


Wine Spectator , jan/09

O VINHO AUMENTA A LIBIDO FEMININA !!

O consumo de uma ou duas taças diárias de vinho tinto aumenta também a libido feminina, segundo estudo do hospital Santa Maria Annunziata, de Florença, Itália, que pesquisou 789 mulheres entre 18 e 50 anos, moradoras na região de Chianti.


Apresentado em março na IX Semana da Prevenção Andrológica, promovida pela Società Italiana di Andrologia, o estudo foi baseado no questionário Female sexual function índex, que avalia a sexualidade feminina por 19 questões distribuídas nos seguintes critérios: do desejo ao interesse, da lubrificação ao orgasmo e da satisfação à dor.


Quem revela o resultado é Nicola Mondaini, dirigente do hospital e responsável pela pesquisa: "Este estudo mostrou que as mulheres que consomem um a dois copos de vinho tinto por dia (11%) têm uma sexualidade melhor do que o grupo de mulheres abstêmias (35%) ou até mesmo as que bebem ocasionalmente". O vinho tinto tem mais de 300 tipos de polifenóis, com ação sobre alguns componentes hormonais femininos, em particular o estrogênio.



CHEERS!!

LUIS PATO NO BRASIL

Conhecido como o “revolucionário da Bairrada”, por ter conseguido domesticar a casta Baga, Pato produz vinhos de muita elegância e complexidade em Portugal desde a década de 1980 Verdadeira lenda do vinho português, o enólogo Luis Pato vem ao Brasil a convite da Mistral Importadora e participa de um jantar especial, com degustação de seus vinhos, no restaurante Antiquárius, dia 4 de maio, segunda-feira, a partir das 20h30.

Pato foi eleito oito vezes o “Produtor do Ano” pela revista norte-americana Wine & Spirits e sempre recebe altas notas e prêmios da imprensa especializada. A crítica inglesa Jancis Robinson é uma das admiradoras de seus vinhos e define o produtor como um “visionário”. O enólogo ostenta o título de “revolucionário da Bairrada” por ter conseguido domesticar a casta Baga – que até então gerava apenas vinhos muito tânicos, ácidos e rústicos – e produzir, desde a década de 1980, tintos de muita elegância, estrutura e complexidade em Portugal.

A exemplo do ocorrido em Borgonha, Pato passou valorizar as particularidades do terroir da região, criando fantásticos “Bairrada de vinhedo”, de personalidade própria e produção restrita. Alguns deles, como o Vinha Barrosa, em pouco mais de 250 caixas, é vendido “en primeur” em Portugal. Para o jantar, o enólogo selecionou seis de seus rótulos, entre tintos, brancos e espumantes.

São eles:
● Espumante Touriga Nacional rosado bruto
● Vinhas Velhas branco 2007
● Vinhas Velhas tinto 2005
● Quinta do Ribeirinho Primeira Escolha 2003
● Vinha Pan 2003
● Quinta do Ribeirinho Pé Franco 2005
● Graham’s Six Grapes (servido com a sobremesa)

Para acompanhar os vinhos, o restaurante Antiquarius prepara um menu harmonizado especial.

Local: Restaurante Antiquarius
Endereço: Alameda Lorena, 1884 - Jardins - São Paulo
Data:4 de maio, segunda-feira
Horário: 20h30
Preço: R$ 460,00 por pessoa
Reservas e informações: (11) 3372-3401


CHEERS!!

VINHO NA PRAIA

A partir do dia 7 de maio, os hóspedes e visitantes do complexo turístico Costa do Sauípe, litoral norte da Bahia, poderão degustar e adquirir produtos do Miolo Wine Group, com exclusividade, na Wine Store. A inauguração da loja, que possui também um wine bar, faz parte da estratégia da Miolo de ter cada vez mais produtos personalizados e de alta qualidade, fortalecendo a presença da marca em hotéis, restaurantes e bares, os chamados “pontos de dose”.

“É uma iniciativa inédita no Brasil, e vai dar oportunidade aos turistas de conhecer o produto local", afirma o diretor nacional de vendas do grupo, Márcio Bonilha. Além de todos os rótulos que compõem o portfólio da Miolo, a loja vai disponibilizar uma linha exclusiva, a "Sanctun", elaborada com as uvas produzidas no Vale do São Francisco, na Fazenda Ouro Verde (BA), uma das cinco regiões de produção da Miolo no Brasil. O nome Sanctun é uma referência ao santuário que existia na área onde foi construído o complexo de Sauípe. Compõem a linha Sanctun: espumante Demi sec, Brut, Shiraz e Cabernet Shiraz. “Os produtos vão mostrar o terroir do Vale do São Francisco a um público altamente qualificado e serão elaborados para agradar o perfil dos visitantes do complexo”, antecipa Bonilha. Segundo o executivo, é uma linha de produtos alegre e com frescor, em sintonia com as características da região.

A Wine Store da MWG está localizada num dos melhores pontos da Vila Nova, no espaço de entretenimento do complexo turístico. Os visitantes e turistas, além de degustarem e adquirirem os produtos do grupo, podem comprar souveniers, camisas, objetos utilizados para cultura do vinho e livros. "O projeto é uma extensão das lojas já existentes no Vale dos Vinhedos e no Vale do São Francisco", complementa Bonilha.


CHEERS!!

segunda-feira, 27 de abril de 2009

PROMOÇÕES E DICAS

World Wine (http://www.worldwine.com.br/)

Estão oferecendo 60 grandes vinhos com descontos de até 25% para pagamento à vista com destaque para os seguintes rótulos:
- Chateau Gloria 2004
De: R$ 243,00 por R$ 194,40

- Chateau Pedesclaux
De: R$ 179,00 por: R$ 143,20

- Chateau Talbot 2004
De: R$ 391,00 por: R$ 312,80

Serviço de entrega e o pagamento poderá ser feito em até 3x no cartão


Wine School

Trumpeter Malbec / Syrah por R$ 45,00 a garrafa, mas na compra de 4 você ganha mais 2, ou seja 6 garrafas por R$ 180,00.

Pedidos através do e-mail: wineschool@wineschool.com.br ou do telefone 3676-1781



ETNA ROSSO DI VERZELLA 2005 DE R$ 105 POR R$ 94,50

Elaborado com as uvas Nerello Mascalese e Nerello Cappuccio de vinhas com mais de 40 anos de idade. Uvas fermentadas de forma tradicional e após a fermentação malolatica o vinho envelhece em barricas de carvalho por um período de 8-10 meses. Sua cor é vermelha rubi escura. Ao nariz mostra aromas de baunilha, frutas maduras e um toque de tostado. Elegante, harmônico e de taninos macios ao paladar.

MERLOT DOC GRAVE 2007 DE R$ 70 POR R$ 63

Vinho elaborado 100% em tanques de aço inox. Passou pela fermentação malolática. de cor rubi, equilibrado, macio e de rica textura. presença vegetal no nariz e na boca, quando jovem. Vinho de longa guarda e muito rico de bouquet. Uva 100% merlot. Álcool 13%

ANARKOS ROSSO PUGLIA IGT 2006 DE R$ 84 POR R$ 75,60

Tinto elaborado com as uvas Malvasia Nera, Primitivo, Negramaro e Ottavianello. Apresenta-se com uma cor vermelha alaranjada e reflexos violáceos. Seus aromas são intenso, persistentes e característicos. Ao paladar é cheio, seco, harmônico e aveludado. Ideal para acompanhar massas, carnes assadas e carne de caça.

POGGIO MURALTO 2005 DE R$ 88 POR R$ 79,20
Vinho tinto fruto de uma atenta seleção de uvas ainda no vinhedo, logo após a colheita. De cor rubi com reflexos violáceos, bouquet intenso e complexo, com toques de cerejas e amoras. À boca é macio, frutado e elegante com taninos macios, equilibrados e de boa persistência. Uvas: 70% Merlot, 20% Sangiovese e 10% Cabernet. Álcool: 12,5%.

DOLCETTO D'ALBA DOC BRICCO BASTIA 2006 DE R$ 123 POR R$ 110,70

Elaborado 100% com uvas Dolcetto do vinhedo Bricco Bastia localizado na comunidade de Monforte D’Alba. Logo após uma breve maceração o vinho é deixado nos tanques de aço inox com controle eletrônico de temperatura até o momento do engarrafamento, por cerca de oito meses. A cor é vermelha rubi muito intensa com reflexos violeta. O perfume é persistente e muito agradável com notas de framboesas maduras. Ao paladar é macio e saboroso.

ROSSO DI MONTALCINO DOC 2006 DE R$ 250 POR R$ 190

Esse vinho é produzido com as mesmas uvas Sangiovese do mesmo território mais nobre do seu parente famoso, o Brunello di Montalcino, e é o resultado de uma seleção de uvas feita durante a colheita ou de uma parte de um vinho durante a fase de envelhecimento. Diferente do Brunello, o Rosso di Montalcino não tem um envelhecimento obrigatório em barricas, mas os Pacenti preferem amadurecê-lo em barricas de carvalho. É um vinho mais leve e mais pronto que o Brunello, estando no auge do consumo por volta dos 3 anos de idade.É um vinho de cor vermelha intensa, brilhante e transparente. Seus aromas são de frutas doces, couro e uma nota delicada de carvalho. À boca é seco, perfeitamente tânico e nos lembra as sensações de frutas doces. Álcool 14%


Tradebanc (http://www.tradebanc.com.br/vinhos_mostra.asp?id_vinho=17)

- Masciarelli Montepulciano d'Abruzzo 2006
De: R$ 74,00 por R$ 39,90

Uva: Montepulciano D'Abruzzo 100%País: ItáliaRegião: Os vinhedos são plantados em 9 terroirs : San Martino Sulla Marrucina, Ripa Teatina, Fara F. Petri, Villamagna, todos em Chieti. Loreto Aprutino, Pescara. Corropoli, Nereto, Controguerra, Colonella, todos em Teramo.

Produtor: Azienda Agrícola Masciarelli Snc.

Amadurecimento: 20 meses em tanque de aço inox
Sabor: Encorpado, complexo e elegante.

Harmonização: Churrasco, massas com molho de tomate, cordeiro, queijos maduros, filé mignon. Comentários: Os vinhedos são plantados com a densidade de 1600 plantas a 9000 plantas por hectare, a exploração de vários terroirs proporciona um vinho rico e pleno.


Vinci (http://www.vincivinhos.com.br/)

- Paulucci Malbec 2006
De R$ 58,30 por R$ 52,58
Com "adoráveis aromas de violetas e excelente profundidade", este delicioso Malbec, elaborado com uvas do excelente vinhedo da família Paulucci, mereceu nada menos que 90 pontos de Robert Parker. A assinatura é de Laura Catena, responsável pelos vinhos de Luca e La Posta.
Robert Parker - 90 Pontos

- Kaiken Ultra Malbec 2006
De R$ 75,90 por R$ 71,16
O melhor Malbec da Argentina para a revista Decanter, o empolgante Kaiken Ultra foi o grande vencedor de uma prova com mais de 120 dos melhores vinhos do país feitos com a uva Malbec, recebendo as máximas 5 estrelas. Um ícone de excepcional qualidade/preço, já está sendo chamado de Montes Alpha da Argentina.

- BCrux Blend 2004
De R$ 102,30 por R$ 92,07
Um vinho "cheio de profundidade e equilíbrio" para a revista Wine Spectator, que classificou este tinto com 90 pontos. Elaborado com um cativante corte de Tempranillo, Malbec e Merlot é opulento e vibrante, com finesse e elegância, marcas registradas dos vinhos de O. Fournier. Um verdadeiro achado, mereceu as máximas 5 estrelas da Decanter na última safra avaliada.

- Luca Malbec 2007
De R$ 109,78 por R$ 97,78
Elaborado pela talentosa Laura Catena, este Malbec poderoso e cheio de personalidade é sem dúvida um dos grandes vinhos da Argentina. Mostra muita classe, elegância e fantástica pureza, tendo recebido nada menos do que 93 pontos de Robert Parker na safra 2006 e premiado com 93 pontos pela Wine Spectator na safra 2007 e escolhido com um dos “100 Melhores Vinhos do Mundo em 2008”. Um vinho profundo e com muita alma, que enche a boca com camadas e mais camadas de fruta madura e finos taninos. Por este preço, é uma grande barganha.

- Errazuriz Reserva Cab Sauvignon 2007
De R$ 51,70 por R$ 46,53
Elaborado com maestria por Errazuriz, este ótimo Cabernet Sauvignon é uma das escolhas mais seguras entre os vinhos do Novo Mundo, mostrando um cativante bouquet de frutas maduras bem típico da casta, com elegantes notas tostadas. No palato é rico, cheio e macio, com ótimo equilíbrio. Um belo exemplo de Cabernet Sauvignon chileno, é frequentemente indicado como "Best Value" pela revista Wine Spectator, confirmando sua excelente relação qualidade/preço.

- Max Reserva Cabernet Sauvignon 2006
De R$ 98,78 por R$ 88,88
Frequentemente classificado como um "Smart Buy" pela Wine Spectator e "Altamente Recomendado" pela revista Decanter, o Cabernet Sauvignon Max Reserva é denso, complexo e concentrado, com elegância e finesse surpreendentes para sua faixa de preço. Um verdadeiro clássico do Chile, que hoje é sinônimo em todo o mundo de Cabernet Sauvignon de alta qualidade.

CHEERS!!

domingo, 26 de abril de 2009

UM INTRUSO NO MEIO DOS VINHOS

No último dia 16/04 fui jantar, a convite do amigo Sergio Pina, com o Gerente de Vendas da vinícola chilena Terramater, uma vinícola não tão conhecida por nós, mas com vinhos muito bons, sendo alguns deles premiados. O local do jantar foi o famoso e já comentado Piselli.

Victor Mena, um simpático e carismático chileno como este povo costuma ser, levou 2 vinhos para experimentarmos: O curioso Unusual 2007 (Em inglês quer dizer "incomum") que vem numa embalagem diferente e bacana, como vcs veem ao lado, é um corte de Zinfandel, Cabernet e Syrah. Um vinho diferente e interessante. Complexo, profundo, bem estruturado e equilibrado. Um vinho que faria bastante sucesso aqui no Brasil se fosse bem divulgado. Depois fomos para o Altum 2006, um syrah bem encorpado e com a pura expressão desta uva no Chile: Um vinho encorpado, mas frutado e agradável! É o vinho deles mais premiado.

E por último deixaram a grande surpresa da noite, que foi algo sobre o qual eu nunca falei aqui: Um azeite de oliva espetacular! Foi considerado por 2 vezes o melhor azeite do mundo e não foi por acaso. Com uma acidez de 0,2 (Muito baixa), tinha uma untuosidade perfeita e um aroma delicioso. Difícil explicar as sensações ao degustar este azeite com o pão. Até nosso querido Juscelino, dono do Piselli e aficionado por azeites, aprovou!

Um jantar maravilhoso, com companhias agradáveis, comida sempre formidável, vinhos novos e interessantes e um azeite de babar! Uma bela noite!


CHEERS!!

sexta-feira, 24 de abril de 2009

A EXPOVINIS TÁ CHEGANDO

Para grande parte do mercado e dos amantes do vinho, o grande evento do ano está se aproximando. A Expovinis começa no dia 05 de Maio e recentemente recebi um e-mail dizendo que algumas degustações especiais, e por isto pagas, já estão disponíveis para serem reservadas e compradas.

Acessando o link abaixo vcs poderão conferir quais são os temas e valores.


Não poderei ir a nenhuma delas por questão de outros compromissos, mas estarei na própria feira visitando os produtores e checando as novidades.

Edú, por enquanto esta é a única novidade da Expovinis. Certamente depois da visita terei mais para contar. E se surgir alguma notícia nova, postarei a vcs!


CHEERS!!

DEGUSTAÇÃO CORTESIA GRAND CRU - SÁBADO 25.04

A Grand Cru Moema realiza todo último sábado de cada mês uma degustação cortesia. Este próximo sábado, 25, terá grandes rótulos pontuados pelas mais renomadas publicações internacionais. Ao lado os rótulos que poderão ser degustados!





CHEERS!!

MIOLO NO BUDDHA

A Miolo Wine Group é a 1ª vinícola brasileira a listar um vinho no Buddha Bar, um dos mais charmosos pontos de badalação de Londres. Quem visitar o local poderá degustar o Fortaleza do Seival Pinot Grigio. A empresa também colocou seus produtos na carta de restaurantes internacionais famosos, como o Benares, em Londres, CN Tower, no Canadá, e no Hotel Le Meridien, em Dubai. O fortalecimento da presença em pontos sofisticados conhecidos mundialmente é uma das estratégias da Miolo para aumentar sua presença no Exterior e agregar valor a sua marca. Só na Inglaterra, a vinícola planeja duplicar suas vendas, que no ano passado totalizaram de 22,2 mil garrafas.





CHEERS!!

VINHO DA SEMANA - B CRUX BLEND 2004

** B Crux Blend 2004**
Produtor: O.Fournier
Origem: Mendoza (Argentina)
Uvas: Tempranillo, Malbec e Merlot
Safra: 2004
Importadora no Brasil: Vinci
Preço Aproximado: R$ 92,00 (Em promoção)


Um vinho equilibrado, suculento e que deixa a boca completamente cheia de frutas e taninos. Recebeu 90 pontos da Wine Spectator é um deiferente corte de Tempranillo, Malbec e Merlot. Por este valor, um achado que também mereceu as máximas 5 estrelas da Decanter na última safra avaliada. Um vinho que eu particularmente acho um dos melhores argentinos nesta faixa de preço.


CHEERS!!

terça-feira, 21 de abril de 2009

PREMIOS NA TOURADA

Mais um concurso internacional reconheceu a qualidade dos produtos brasileiros. No Concurso Internacional de Vino Zarcillo 2009, realizado de 30 de março a 2 de abril na Espanha, quatro rótulos nacionais receberam medalhas.

A competição reuniu 3.099 amostras de 23 países. Entre os avaliadores estavam o presidente da Associação Brasileira de Enologia (ABE), Carlos Abarzúa, e o diretor da entidade, Dirceu Scottá.
Além dos espumantes verde-amarelos, levaram medalha também dois vinhos que vêm colecionando prêmios: os Salton Talento e Desejo. Segue abaixo a lista dos vencedores:

MEDALHA DE OURO
Fino Espumante Peterlongo Brut 2008 - Bebidas da Serra

MEDALHA DE PRATA
Ponto Nero Espumante Brut 2008 - Domno do Brasil
Salton Desejo 2006 - Vinícola Salton
Salton Talento 2005 - Vinícola Salton


CHEERS!!

OBAMA´S WINE

Elegante, mestiço, aromas de canela e baunilha. Assim é 'Obama', o novo vinho tinto produzido pela vinícola Domaine Saint-Antoine, da proprietária Angela Bousquet-Keita, originária da República da Guiné.

Segundo Angela, que produz vinhos na França desde 1997, 'Obama' foi a forma que encontrou para homenagear o primeiro presidente negro dos Estados Unidos.

"A eleição de Barack Obama foi um momento histórico. Eu tinha que homenageá-lo", declarou a proprietária.

Angela informou que mais de oito mil garrafas de 'Obama' serão colocadas à venda, e que a primeira delas será enviada de presente ao mandatário norte-americano.

"Obama será um bom vinho daqui quatro anos. Convém guardá-lo para servi-lo durante o segundo mandato", brincou.





CHEERS!!

MADEIRA CHILENA

Seis espécies de madeira nativa chilena possuem potencial para o uso no amadurecimento de vinhos de qualidade. Esta é a conclusão da primeira etapa de um estudo realizado por profissionais da Universidade do Chile, com apoio da Fundação para a Inovação Agrária (FIA), objetivando desenvolver perspectivas de negócios para a pequena agricultura daquele país.

O estudo caracterizou física, química e sensorialmente 13 espécies de bosque nativo. As conclusões dizem que as espécies que teriam um maior potencial para a utilização na indústria vinícola são o carvalho chileno (Roble Chileno), Quillay, Raulí, Avellano, Laurel e Ulmo. Os pesquisadores constataram que a composição tanto química como física das diferentes espécies de madeiras nativas tem conteúdo similar de polifenóis e taninos ao das madeiras de uso tradicional (carvalho americano e francês).

Os vinhos que passaram pelo teste, segundo a FIA, conseguiram boa aceitação por parte do painel de degustadores.


CHEERS!!

Fonte: Fundación para la Innovación Agraria (FIA)

VINHO DA SEMANA - LUIGI BOSCA PINOT NOIR RESERVA 2006

** Luigi Bosca Pinot Noir Reserva 2006**
Produtor: Luigi Bosca
Origem: Mendoza (Argentina)
Uvas: Pinot Noir
Safra: 2006
Importadora no Brasil: Decanter
Preço Aproximado: R$ 63,00


Já havia prometido que falaria sobre este vinho. Um vinho gostoso, leve, bem típico Pinot Noir do novo mundo. Este é uma dos grande produtores argentinos e que no Brasil tem NOS seus vinhos reservas como os mais vendidos, até mesmo pelo custo-benefício. Um vinho leve e fácil de se tomar, pois a fruta é bem presente e passa até uma certa doçura pela combinação a adeira e das notas frutadas que esta uva apresenta. Um vinho bem agradável e bom para ser harmonizado com pizzas e outros pratos não tão condimentados e pesados.



CHEERS!!

quinta-feira, 16 de abril de 2009

MEDALHA NEVADA

Lançado no fim de 2008, o vinho Los Nevados Malbec, parceria da Miolo Wine Group com a Bodega argentina Vitis Dei, ganhou medalha de prata no Argentina Wine Awards, um dos mais importantes concursos daquele importante país vitivinícola.

Um renomado júri internacional, com pessoas como Jaques Orhon, do Canadá, Jorge Carrara, do Brasil, Andrea Robinson, dos EUA, entre outros, degustaram, às cegas, mais de 600 rótulos da bebida produzidas nas melhores regiões da Argentina.

A linha Los Nevados, formada inicialmente pelos varietais tintos Malbec e Cabernet Sauvignon e o branco Chardonnay, é elaborada na distinta região de Mendoza.“É uma satisfação para nós vermos o vinho, em sua primeira degustação, ganhar um importante prêmio como esse, junto com outros importantes vinhos”, comemora César Augusto Borba de Azevedo, enólogo argentino responsável, junto com Adriano Miolo, da Miolo, pela elaboração da linha Los Nevados.

A parceria entre os dois teve origem no curso de Enologia realizado na faculdade Don Bosco, em Mendoza, durante os anos de 1988 a 1995. O terroir escolhido da região resgata as origens da carreira dos dois profissionais, mais precisamente em Luján de Cuyo, um dos mais nobres terroirs de Mendoza. Azevedo, que é brasileiro, fez carreira na Argentina, onde atua há mais de 15 anos com trabalhos para empresas como Pernod Ricard, Seagran e Domecq. Para homenagear os incas que habitaram Mendoza, a linha de vinhos foi intitulada Los Nevados. “Este foi o nome dado pelo povo milenar à Cordilheira dos Andes, que exerce grande influência desde os primórdios do desenvolvimento da viticultura na região”, afirma o enólogo Adriano Miolo.


CHEERS!!

terça-feira, 14 de abril de 2009

BARRIS INTELIGENTES

Uma grande novidade para os produtores de vinho! A recente tecnologia de "barris inteligentes" pretende informar aos vinicultores quando seus vinhos pararam de maturar e quando o volume de vinho precisa ser completado.

Os principais produtores de barris já haviam anunciado que os “inteligentes” poderiam melhorar aromas específicos e características de frutas vermelhas, especiarias, tabaco e tanino.

Porém, estas notícias irão aumentar a resistência na França contra estes barris. O professor Denis Dubourdieu da Universidade de Bordeaux, apesar de admitir que estes barris podem oferecer vinhos mais frutados e com menos madeira, afirma que um barril não pode julgar as particularidades do solo e clima de uma colheita. Também reclamam do aumento no preço: de €150 para €300. Cerca de 100 desses barris estão atualmente sendo testados em Mendoza, Argentina.


CHEERS!!

Fonte: Decanter, Mar/09

NOSSOS MELHROES SOMMELIERS

Dezoito profissionais do vinho participaram do Sétimo Concurso Nacional de Sommeliers realizado em São Paulo, dias 20 e 21 de março. O vencedor foi Guilherme Corrêa que conquistou o bicampeonato nacional. Em segundo lugar ficou Tiago Locatelli, do restaurante Varanda Grill (São Paulo) e em terceiro Diego Mateus Arrebola, do restaurante Olivetto (Campinas).

Com 37 anos de idade Guilherme Corrêa é bacharel em economia, tendo se formado pela UFMG em 1994 apresentando monografia intitulada "Análise Prospectiva da Indústria Vitivinícola do Rio Grande do Sul". Depois de sua graduação fez na Itália, entre 1997 e 2000, os cursos da Associação Italiana de Sommeliers (AIS) tendo obtido o diploma de Sommelier Profissional. Fala fluentemente italiano e alemão, além de ter noções de inglês e francês, o que é fundamental no Concurso Mundial de Sommeliers. Trabalha na importadora Decanter, em Blumenau.

Guilherme e Tiago, os dois primeiros classificados, representarão o Brasil no Concurso Pan-Americano de Sommeliers, a ser realizado em Buenos Aires, de 29/05 a 02/06/2009, no Hotel Four Season´s. Sendo que Guilherme representará o Brasil no Concurso Mundial de Sommeliers, em Santiago do Chile, no ano de 2010. Vale lembrar que o Tiago foi o nosso "Mestre de Cerimônias" da nossa confraria da África do Sul, no varanda Grill.
Para chegar à final os candidatos participaram, dia 20 de março, da etapa elimatória que selecionou os três finalistas. Esta etapa constou de uma prova escrita com 35 questões de múltipla escolha masi cinco questões dissertativas. Uma degustação às cegas de 2 vinhos, seguida de uma descrição de sua harmonização/compatibilização com um prato preparado especialmente para a ocasião. A seguir os candidatos deveriam reconhecer três bebidas servidas às cegas (vodka, saquê e whiskey). Seguida de uma prova de serviço com decantação obrigatória e uma degustação oral.

Parabéns a Guilherme, Tiago e Diego e também aos demais profissionais brasileiros.


CHEERS!!

VINI VINCI

Recebi por e-mail estes dias a informação de que a a importadora Vinci realizará de 18 a 20 de maio a 2ª edição do Vini Vinci, reunindo cerca de 30 dos mais importantes produtores de vinhos do mundo.

O evento, que será realizado nas cidades de São Paulo e Rio de Janeiro, apresentará mais de 150 grandes vinhos. A importadora traz ao Brasil cerca de 30 das mais renomadas vinícolas da Alemanha, Argentina, Chile, Espanha, França, Itália, Portugal e até do Brasil para a 2ª edição do seu grande evento de vinhos, conhecido como "Vini Vinci", que será realizado no dia 18 de maio, no Sofitel do Rio de Janeiro, e 19 e 20 de maio, no Grand Hyatt São Paulo.

O encontro reunirá grandes produtores e enólogos apresentando ao público algumas de suas melhores criações e novidades. Além de degustar mais de 150 rótulos do catálogo da Vinci – uma das mais premiadas seleções de vinho do país – o participante poderá conhecer pessoalmente quem produz cada um deles.

A Mistral, importadora do mesmo Ciro Lilla já tem como tradição fazer anualmente o Encontro Mistral, nos mesmos moldes.

Inofrmções Úteis:

Rio de Janeiro, 18 de maio – Local: Sofitel - Av. Atlântica, 4240
São Paulo, 19 e 20 de maio – Local: Grand Hyatt – Av. das Nações Unidas 13.301
Horário: das 16h às 21h30
Preço: R$ 150,00 por dia
Reservas: (11) 2797-0000
Ingressos limitados - Não haverá venda de ingressos no local


CHEERS!!

segunda-feira, 13 de abril de 2009

9 PREMIOS BRASILEIROS NO VINITALY

Considerado um dos maiores concursos de vinhos do mundo, o Vinitaly reuniu 3.669 amostras de 32 países, onde foram avaliadas por 105 degustadores, provenientes de vários países. O Brasil esteve representado pelos diretores de Degustação da Associação Brasileira de Enologia (ABE), Cláudia Alberici Stefenon e Mauro Zanus.

Para Zanus, a participação de amostras do Brasil oferece uma grande visibilidade à produção nacional, pois participaram do evento cerca de 50 renomados jornalistas internacionais que escrevem especificamente sobre vinhos em jornais e revistas especializadas de todo o mundo. “A obtenção da Grande Menção por nove amostras do Brasil é muito importante, pois é dada somente aos 30% melhores vinhos dentro de cada categoria”, ressalta.

O Prêmio Especial Vinitaly é conferido às vinícolas de cada país que obtêm a maior pontuação resultante da soma das notas mais altas dos três vinhos que conquistaram Grande Menção. Este prêmio é atribuído na condição de que o país tenha no mínimo 10 vinícolas participantes. Segundo Cláudia Stefenon, os países que receberam o Prêmio Especial Vinitaly 2009 foram a República Tcheca, França, Alemanha, Itália, Espanha e Brasil. “O resultado reforça a participação do Brasil, definitivamente com uma Wine Land, especialmente por se tratar de vinhos espumantes”.

O Vinitaly Concorso Enologico Internazionale é considerado um dos mais rigorosos e importantes concursos de vinhos do mundo e tem a chancela da Organização Internacional da Uva e do Vinho (O.I.V.). Agora já são 39 medalhas conquistadas pelos vinhos e espumantes brasileiros somente este ano.

Eis as Premiações

Premio Especial Vinitaly 2009
- Bebidas da Serra

Grande Menção
- Boscato Gran Reserva Merlot 2005
- Casa Valduga Gran Reserva Chardonnay 2008
- Miolo Espumante Millésime Brut 2006
- Peterlongo Espumante Moscatel 2008
- Peterlongo Espumante Presence Brut 2008
- Salton Talento 2005
- Vapore 1888 Cabernet Sauvignon 2005
- Zanotto Espumante Brut



CHEERS!!

WINE LIBRARY TV - 3 GIGANTES DE BORDEAUX 1988

video

Como o próprio Gary Vaynerchuk diz no início do vídeo, este é um episódio épico, com 3 gigantes de Bordeaux safra 1988. Ele está in loco, na própria região de Bordeaux fazendo esta degustação incrível, dos seguintes rótulos:

- Cos d´Estournel 1988
- Chateau Margaux 1988
- Chateau Latour 1988

Uma degustação para ficar nos autos e um espisódio bem interessante para se ver!


CHEERS!!

quarta-feira, 8 de abril de 2009

VINHO DA SEMANA - CASA DE SAIMA 2005

** Casa de Saima Bairrada 2005**
Produtor: Casa de Saima
Origem: Bairrada (Portugal)
Uvas: Baga
Safra: 2005
Importadora no Brasil: Decanter
Preço Aproximado: R$ 62,60



Um vinho que tomei no ótimo restaurante Lolla Bistro (Rua Purpurina, 38 - Vila Madalena), em companhia do amigo e também enófilo Edu Monteiro, Gerente de Publicidade da MTV. Resolvemos arriscar e tomar este vinho que não conhecíamos, vindo da tradicional , mas ainda não tão conhecida por nós Brasileiros, região da Bairrada. Um vinho que no início é duro como os portugueses mais tradicionais geralmente são. Mas com o tempo no copo ele vai amaciando e mostrando que é um vinho que não se deixou levar com os modernismos de alguns portugueses e expressa bem o seu terroir. É um típico portugues, a um preço bem acessível!


CHEERS!!

FAZENDO O PRÓPRIO VINHO

Cinco empresários portugueses, do Algarve ao Douro, que partilham a mesma paixão pelo vinho, uniram-se para construir uma adega com estrutura turística em Vila Seca de Poiares, norte de Portugal, onde os sócios poderão fazer a sua própria produção vinícola.

A empresa é constituída pelo enólogo Luís Soares Duarte, o único que é natural do Douro, e mais quatro sócios, todos eles do Algarve. A ligação de Duarte ao Douro é histórica. O enólogo é sobrinho-bisneto de Antão Fernandes Carvalho, que foi ministro da Agricultura, prefeito de Régua e um dos fundadores da Casa do Douro.

Ele disse que o investimento chega aos dois milhões de euros. Além da adega, será construída uma pousada com cinco suítes. "Queremos misturar a adega com a unidade de turismo e ligar as pessoas a um possível vinho da sua criação", frisou. Será criado o "Clube Momentos com o Vinho", que permitirá aos sócios usufruir das instalações em Vila Seca de Poiares, permitindo-lhes ainda fazer o seu próprio vinho, participando em todo o processo desde a seleção das uvas, vinificação nos tonéis, engarrafamento e rotulagem. Segundo ele, a produção máxima permitida a cada sócio será de 1,5 mil litros, que ficarão guardados nas instalações da adega. "A ideia é criar condições para quem gosta de vinho e do Douro, mas não possui a sua própria quinta, poder vir para aqui e fazer toda a atividade ligada à vinicultura", afirmou Duarte. O público é o homem urbano, cosmopolita, mas que gosta da terra.

Além do vinho, os sócios poderão também usufruir das árvores de fruto, do azeite e compotas, dispondo de parcelas do terreno onde também poderá plantar a sua própria horta. Com a atividade principal ligada à produção de vinhos do Douro, a empresa já possui as marcas "Perfil", "Reserva" e "Momentos", que já estão sendo vendidos para oito mercados, preparando-se para lançar, em breve, uma marca mais clássica, chamada "Soares Duarte".

O projeto prevê ainda a plantação de sete hectares de vinha em Vila Seca de Poiares e o arrendamento de 20 hectares, também de vinha, na região do Douro Superior. Duarte quer que a próxima vindima já seja feita na nova unidade, uma adega projetada na vertical (em três pisos), onde os materiais que predominam são o concreto, o ferro e o xisto. A capacidade máxima de produção da adega, onde será instalada tecnologia de ponta, com cubas de 10 toneladas de aço inox suspensas será de 150 mil litros.Toda a atividade nos tanques poderá ser observada, através de grandes vidraças, por quem esteja no salão da unidade de turismo, onde o ambiente será aquecido por uma lareira e adornado por uma antiga prensa de azeite, mapas e fotografias do Douro. Duarte prevê que o pólo esteja em pleno funcionamento até o final deste ano.

Numa fase posterior, o empresário quer construir um hotel e recuperar algumas casas antigas de Vila Seca de Poiares para turismo de aldeia.
CHEERS!!
Fonte: Academia do Vinho

terça-feira, 7 de abril de 2009

PROPAGANDA DO PERIQUITA

Todos aqui devem conhecer e possivelmente já tomaram o famoso vinho português Periquita. Ele é um dos vinhos portugueses mais vendidos no Brasil, muito por conta do baixo custo.

Então dêem uma olhada no anúncio que fez o blog do site Desencannes, um site muito conhecido no mercado publicitário.

Créditos desta imagem ao enófilo, amigo e irmão Marcio Bochecha.

Diz o anúncio: "Periquita, o vinho para você cair de boca"


CHEERS!!

segunda-feira, 6 de abril de 2009

PROMOÇÕES E DICAS

Vou começar esta semana postar oportunidades que frequentemente recebo das importadoras, com vinhos a preços promocionais ou até mesmo lançamentos legais que podem valer a pena conferir.

Começo com a Zahil, que tem 2 produtos em oferta, com destaque para o honesto e interessante STUMP JUMP, um grande achado da Australia, que é um corte de Grenache, Shiraz e Mourvèdre. O link é:


A Grand Cru, em sua Home tem também 2 vinhos italianos com 15% de desconto, no qual eu destaco o excelente italiano Pomino Rosso.


A Mistral também tem em sua Home alguns produtos em oferta, entre eles o DV Catena Malbec-Malbec por R$ 66,07. Um vinho excelente, de personalidade e com um custo bem honesto. Além de ter o sobrenome Catena...

A De La Croix está esticando sua promoção de vinhos antes do reajuste, que será na segunda quinzena deste mês. Da lista de promoções, queria destacar alguns vinhos:
- Beaune 1er. Cru Les Reversées 2002, JC Rateau por R$ 165,75. Este vinho é uma maravillha. Um borgonha típico, frutado, delicado, de cor quase rosé. Um vinho para "meditar". E por este preço não se encontra um borgonha com esta qualidade aqui no Brasil.
- Cuvée cent pour 100 2004, Moulin Caresse por R$ 82,45. Um vinho diferente, nada parecido com o que estamos mais acostumados a beber de chilenos, argentinos e outros. Da região ainda não tão explorada do Sud Ouest francês, é um corte de Merlot, Malbec e Cabernet Franc e já teve destaque na Revista Gula, especial vinhos.
Os outros vinhos com preço antigo ainda e que podem ser encontrados no site (aqui) são:
- Riesling Grand Cru 2002, Domaine Sylvie Spielmann.
- Gewurstraminer Sonnenglanz Grand Cru 2004, Domaine Bott-Geyl.
- Iris du Gayon 2003, Domaine Iris du Gayon.
- Saint Chinian Berlou 2004, Domaine Rimbert.


CHEERS!!

PÁSCOA - MAIS SUGESTÕES

Amigos,

Seguem mais sugestões das importadoras sobre vinhos para servirmos na páscoa, que é uma data bem sugestiva para harmonizações de vinhos com bacalhau, peixes, frutos do mar e chocolate! Seguem os links de mais 3 importadoras (Além da Wolrd Wine que eu postei na semana passada) que estão fazendo sugestões específicas para esta data.

Caso alguém saiba de mais alguma, me passem por favor para podermos dividir com os leitores do Blog.


Na Enoteca Fasano, as sugestões seguem abaixo:

.:. Porto Magalhães Ruby Special Reserve DE R$ 145 POR R$ 130,00 (Porto)
.:. Dorna Velha DOC 2007 DE R$ 79 POR R$ 71 (Tinto)
.:. 1754 - Boa Nova 2001 DE R$ 103 POR R$ 93,00 (Tinto)
.:. 1826 - GRAN CHARDONNAY 2005 DE 67 POR R$ 55,00 (Branco)

Outras sugestões:

http://www.mistral.com.br/pascoa2009/

http://www.vincivinhos.com.br/dept.aspx?idDept=787&src=bnppascoa

http://www.grandcru.com.br/kitspascoa.php


CHEERS!!

domingo, 5 de abril de 2009

VINHO DA SEMANA - ARMADOR CABERNET SAUVIGNON 2007

** Odfjell Armador Cabernet Sauvignon 2007**
Produtor: Odfjell
Origem: Vale do Maipo (Chile)
Uvas: Cabernet Sauvignon
Safra: 2007
Importadora no Brasil: World Wine
Preço Aproximado: R$ 50,00
Mais um achado desta vinícola norueguesa-chilena, que faz também o Orzada e o Aliara. Este Armador é um vinho inferior aos outros dois, mas pelo seu custo, é uma boa saída para quem quer pagar pouco. Um cabernet sauvignon típico chileno, com um nariz de ervas e uma boca não tão frutada, mas redonda. Um pouco de madeira para amaciar o vinho e o deixar ainda mais incrível pelo custo que apresenta. Um vinho eclético e que vai bem também em eventos.
CHEERS!!

sexta-feira, 3 de abril de 2009

CARTAS PREMIADAS

Já estão abertas as inscrições para o prêmio de cartas de vinhos promovido pela revista Prazeres da Mesa. Este ano, o prêmio ganha dimensões internacionais, com menções não apenas para as melhores cartas de estabelecimentos do Brasil, como também para as da América do Sul.

O prêmio será dividido em três categorias: as de Excelência, Grande Excelência e Cartas Especializadas. As duas primeiras levam em consideração o compromisso em manter uma oferta de vinhos acima da média, bom acondicionamento e equipamento, profissionais especializados no serviço e a atenção à qualidade dos vinhos oferecidos. A novidade deste ano fica por conta da categoria Cartas Especializadas que premiará as casas que primam por ter a melhor seleção de rótulos brasileiros ou portugueses.

Os vencedores serão divulgados em junho, como parte das comemorações dos seis anos da revista.

O regulamento e a ficha de inscrição estão disponíveis no site www.prazeresdamesa.com.br até o dia 30 de abril.
CHEERS!!

quinta-feira, 2 de abril de 2009

OS 10 MELHORES. PELOS 10 MELHORES.

Li esta matéria muito legal no site da Revista Prazeres da Mesa (http://prazeresdamesa.uol.com.br/), que por sinal tem um conteúdo excelente para quem gosta de vinhos e gastronomia e queria dividir com vcs, pois nos faz também refletir qual é o nosso vinho preferido para uma comemoração especial. Foram dez grandes nomes do mundo do vinho e da gastronomia, que revelaram quais os seus rótulos preferidos para comemorar uma data especial.


E depois de pensar um pouco, aproveito para deixar aqui o meu vinho para ocasiões especiais: É o Brunello di Montalcino Biondi Santi. Independentemente da safra (O que eu tomei foi um 1997), é, de todos os vinhos que já tomei, o melhor. É um vinho que expressa bem o terroir italiano, com um vinho potente, de acidez elevada, mas é aquela acidez que faz dos vinhos italianos os meus preferidos. E é um produtor, talvez o mais tradicional da região Toscana de Montalcino, que dispensa maiores comentários. O Rei dos Brunellos!


Agora, vamos à matéria:


- Egon Muller Scharhofberger Spatlese: "Esse vinho tem uma antiga reputação de qualidade e, como principal Riesling da região de Saar, é também o vinho mais refrescante do mundo, com presença da fruta e expressão do terroir." (Não é vendido no Brasil).

Jancis Robinson, editora do site www.jancisrobinson.com e colunista de Prazeres da Mesa




- Giusto di Notri 2004 Tua Rita: "Um vinho pouco conhecido, mas de qualidade e exuberância ímpares. Corte típico bordalês, possui a quantidade de uvas macias, que deixam o vinho muito sedoso à boca, e que fica pronto mais rapidamente. Vendido a bom preço e por sua nobreza, é perfeito para ser saboreada em clima de festa." Importado pela Cellar.


Danio Braga, chef e proprietário da Locanda della Mimosa




- Wachenheimer Böhlig Premier Cru Riesling Trocken 2004: "Esse vinho seco traz a experiência purificante do Rio Reno. É um Riesling luminoso." Importado pela Mistral.


Renato Machado, jornalista e colunista de Prazeres da Mesa


- Vega Sicília Único Grand Reserva 94: "Essa safra é excepcional, para mim, a melhor da década. Superequilibrado, fino, complexo e com grande potência. Chega a ser romântico, pois você o bebe e se enamora." Importado pela Mistral.


Belarmino Iglesias Filho, sócio do grupo Rubaiyat



- Barolo Riversa Brunate 2000 Roberto Voerzio: "Barolo não é um vinho para tomar numa festa, mas para apreciar com os amigos próximos e celebrar as grandes amizades. Deve ser degustado com calma, com uma boa conversa. Para isso, o ideal é uma garrafa magnum de Roberto Voerzio, um italiano que sabe cultivar a Nebbiolo como poucos." Importado pela WorldWine.


Jorge Lucki, colunista de Prazeres da Mesa


- Bâtard Montrachet Grand Cru 2004 Domaine Leflaive: "Essa domaine segue a viticultura biodinâmica e elabora esse vinho cheio de emoções, que tem tudo a ver com as boas comemorações. Ele é um dos grandes vinhos brancos do mundo. Uma verdadeira loucura! E, já que é para comemorar, vamos aos melhores vinhos do mundo, que são os franceses."Importado pela Expand.


Ed Motta, músico e compositor


- Mouchão Tonel 3-4 2001: "Logo que me formei em jornalismo, li uma reportagem sobre o Alentejo e fixei como meta conhecer a região. Anos mais tarde, decidi conhecer a Herdade do Mouchão e seu precioso vinho. Por felicidade, fiz as duas coisas. Elaborado principalmente com a uva Alicante Bouschet (leva também a Trincadeira), o tonel 3-4 é um dos melhores vinhos já elaborados no Alentejo. Elegante e complexo é para celebrar a vida, a família e os amigos." Importado pela Adega Alentejana.


Ricardo Castilho, diretor editorial de Prazeres da Mesa



- Château Lafite-Rothschild: "O primeiro grande vinho que bebi foi o Lafite da safra 1982, muito tempo atrás. Recordo esse tinto com carinho especial e se tenho de eleger um vinho para uma ocasião especial, seguramente seria esse."Importado pela WorldWine.


Patricio Tapia, autor do guia chileno Descorchados e colunista de Prazeres da Mesa



La Rioja Alta Gran Reserva 904 1995: "Se os termos elegância, equilíbrio e complexidade não estivessem ainda definidos no mundo do vinho, bastaria um gole desse tinto espanhol para ter uma nítida visão de seu significado. Ideal para beber celebrando a vida."Importado pela Zahil.


Jorge Carrara, colunista de Prazeres da Mesa



Clos Vougeot Grand Cru 2003 Domaine Leroy: "Vários motivos me levam a esse vinho: minha paixão são os Borgonhas, meu primeiro contato com ele foi no filme A Festa de Babette, em que a heroína serve o Clos Vougeot e, por último, este que é um dos melhores Borgonhas disponíveis no mercado."Importado pela Zahil.


Ricardo Bohn Gonçalves, editor contribuinte de Prazeres da Mesa



CHEERS!!